Art Fértil | WhatsApp
Art Fértil
3 alimentos que beneficiam a fertilidade

3 alimentos que beneficiam a fertilidade

// Por Dra. Altina Castelo Branco

A importância da alimentação para a prevenção de doenças é um assunto que está se tornando cada vez mais relevante para a sociedade. De fato, sabemos que hábitos de vida saudáveis em geral são fundamentais para o organismo, inclusive, para cuidar da fertilidade.

A boa notícia é que a dieta é um hábito que podemos modificar ao longo da vida e o que escolhemos colocar no prato interfere na nossa saúde. Um dos maiores exemplos é o da dieta mediterrânea. Além dos benefícios para o sistema cardiovascular, ela também contribui para a saúde reprodutiva.

Continue a leitura para conhecer a relação entre a alimentação e a fertilidade. E ainda, vamos mostrar alguns tipos de alimentos que ajudam de maneira especial a saúde reprodutiva.

Vamos lá?

O que é necessário para homens e mulheres serem férteis?

Diversos fatores precisam estar alinhados para que um casal consiga engravidar. De início, tanto o homem quanto a mulher devem estar saudáveis e com o sistema reprodutor em boas condições. Para a fecundação acontecer, a qualidade e a quantidade dos gametas também são importantes.

Na mulher, o ciclo menstrual prepara o seu corpo para a gestação. Os ovários liberam um óvulo por mês, durante o período fértil, em direção às tubas uterinas para que ele seja fecundado. Além da ovulação, o útero também passa por alterações para ficar mais receptivo ao embrião.

Para os homens, a fertilidade está relacionada a quantidade e a qualidade dos espermatozoides. Eles são produzidos nos testículos e armazenados nos epidídimos até o momento da ejaculação. Além de transportar os gametas, o sêmen é composto por líquidos importantes para proteger e nutrir os espermatozoides durante o percurso até as tubas uterinas.

Assim, doenças e condições (genéticas ou adquiridas) que afetem o funcionamento do sistema reprodutor do homem ou da mulher podem causar infertilidade.

Quais tipos de alimentos podem beneficiar a fertilidade?

Esse assunto é polêmico. Até o momento, não há comprovação científica de que um alimento — ou um grupo de alimentos — pode aumentar a fertilidade por si só. Porém, a adoção de uma alimentação equilibrada e hábitos saudáveis, de fato, podem influenciar a fertilidade.

A seguir, vamos mostrar 3 grupos de alimentos que beneficiam a fertilidade. Confira!

Alimentos ricos em ácido fólico

A suplementação de ácido fólico (vitamina B9) já é conhecido entre as mulheres tentantes ou que estão grávidas devido aos seus benefícios para o desenvolvimento do feto. Além disso, estudos mostram que ela está relacionada à qualidade embrionária e a redução do risco de infertilidade por fatores ovulatórios.

Ela também pode ser encontrada em alimentos como: espinafre, feijão, lentilha, couve e fígado.

Alimentos ricos em vitamina B12

A vitamina B12 é muito importante para a saúde e o bom funcionamento do organismo. Em conjunto com a vitamina B9, ela auxilia no processo de ovulação, na redução do risco de abortamento espontâneo e na qualidade do sêmen. Entre os alimentos ricos em vitamina B12, temos: ovos, leite, carne bovina, fígado bovino, camarão, atum e salmão.

Alimentos ricos em ômega 3

Os peixes, como o atum, o salmão e a sardinha são os principais exemplos de alimentos ricos em ômega 3. Outras fontes do nutriente estão nas nozes, brócolis, couve e linhaça. Com relação à fertilidade, ele está relacionado a uma melhora na qualidade espermática e ovulatória.

Não é uma coincidência que esses 3 grupos de alimentos façam parte da dieta mediterrânea. Ela é considerada a dieta mais indicada para quem deseja engravidar. De forma geral, é rica em proteínas vegetais, fibras e nutrientes antioxidantes.

Ela é baseada no estilo de vida dos moradores da região do mar Mediterrâneo, por isso tem esse nome. O seu foco está no alto consumo de alimentos naturais e minimamente processados, peixes, azeite de oliva (principal fonte de gordura) e pouca carne vermelha.

O acompanhamento de um nutricionista é essencial antes de iniciar uma mudança na alimentação. A escolha, as quantidades e a frequência dos alimentos devem ser orientadas por um especialista. Cada organismo é único e, tanto a carência, quanto o excesso de nutrientes podem causar problemas.

Como os hábitos saudáveis ajudam a preservar a fertilidade?

blank

Ter hábitos saudáveis é uma das principais recomendações para o casal que deseja ter filhos. A alimentação — como vimos — é importante, mas não é a única forma de beneficiar a fertilidade.

Praticar exercícios físicos com regularidade para evitar a obesidade, controlar o stress e a ansiedade, evitar o excesso de bebidas alcoólicas e não fumar também são hábitos indicados para uma vida mais saudável.

Após a suspensão de todos os métodos contraceptivos, a gravidez pode demorar alguns meses para acontecer e isso é normal. No entanto, o casal deve procurar ajuda médica se não obtiverem sucesso após 12 meses de tentativas para tentar engravidar. Nesses casos, a fertilidade do casal é investigada para entendermos a causa da infertilidade.

Nesse artigo, o nosso objetivo era mostrar a importância da adoção de hábitos saudáveis. Entre eles, a alimentação tem um grande destaque, no entanto, é apenas um item da lista de fatores que melhoram a fertilidade. Por isso, ter bons hábitos de vida, de forma geral, é significativo para a saúde e a capacidade reprodutiva de homens e mulheres.

Diversos fatores influenciam a infertilidade feminina, entre eles, os distúrbios tubários e ovulatórios estão entre os principais. Se você tem interesse em saber mais sobre o assunto e as possibilidades de tratamento, confira a nossa página sobre a infertilidade feminina!

Compartilhar: Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.

blank blank